top of page

Aplicando a Metodologia Kanban na vida pessoal

Tão simples como deve ser, a metodologia Kanban nos ajuda a classificar tarefas em status (Em execução, Para fazer e Concluído). Mas em vez de focar somente nas pendências, que tal olhar com mais carinho para o que já está em andamento na nossa vida pessoal?

por Jennifer Vasconcelos


No mundo empresarial, muito tem se falado sobre Metodologias Ágeis e sua aplicação para facilitar o dia a dia de equipes e organizar processos. Kanban é uma delas, um método criado na década de 40 pelos japoneses que propõe uma sinalização das atividades em três categorias:


To do/ A fazer: tudo o que ainda não começou mas precisa ser feito;

Doing/ Em andamento: as tarefas ou atividades que já foram iniciadas e estão sendo executadas;

Done/ Feito: significa que as tarefas foram concluídas.


Nas últimas semanas, estive pensando em como estamos a todo tempo imersas em uma lista de afazeres, são muitos os objetivos a alcançar, metas, prazos... a pressão é grande e permeia todos os âmbitos da nossa vida, inclusive um aspecto muito importante que é o autocuidado e a saúde mental.


Principalmente devido ao momento pandêmico que vivemos, é um assunto que tem estado na pauta das mídias, redes sociais e até em conversas com os nossos. Levamos muito tempo para falar abertamente da importância de se cuidar e de estar bem. Por incrível que pareça até pouco tempo atrás a terapia por exemplo, era considerada necessária somente para 'loucos' ou pessoas com transtornos psicológicos, ledo engano. Hoje mais do que nunca estamos vendo como é fundamental manter-nos saudáveis mentalmente para encarar os dias difíceis.


Entretanto, há um outro lado da moeda nesse assunto: é preciso termos atenção para que as práticas de autocuidado não acabem virando mais um tópico da nossa lista de afazeres, e gerando mais ansiedade por não estarmos cumprindo todos os passos possíveis. Será que também paramos para prestar atenção em tudo o que já estamos fazendo?



Mais do que isso, será que estamos valorizando e honrando até mesmo os pequenos passos que damos e que já estamos fazendo?


Precisamos ter o cuidado de não absorver todas as demandas que surgem, e isso por si só já é uma forma de se cuidar, de olhar com carinho para nós mesmas e para a nossa capacidade real. A individualidade também é importante nesse momento, pois o que faz sentido pra mim pode ser que não faça sentido para você.


Separei algumas dicas que podem ser úteis nesse momento:


1. Faça uma lista das coisas do que você já faz no dia a dia para você mesma

Se atente aos detalhes e note as pequenas coisas, que podem até parecer pequenas, mas que quando olhamos para o todo fazem a diferença. Pode ser cozinhar, meditar, brincar com os pets, fazer exercícios, tirar um tempo para não fazer nada, cuidar da pele, ler algo despretensiosamente (sem aquela obrigação de tirar uma lição ou um aprendizado), fazer trabalhos manuais, parar 5 minutinhos para respirar e olhar o céu, dormir até mais tarde... enfim, qualquer coisa que remeta a carinho pra você sabe?


2. Se abra para o novo

Experimente um dia sair totalmente da sua rotina e fazer algo que nunca fez e sem se preocupar com o resultado. Se divertir durante a jornada é fundamental ;)


3. Equilíbrio é tudo

Busque valorizar o que está ao seu alcance no aqui e agora. Dê bastante valor para o que você está construindo, cada atitude importa pois é justamente o que têm te ajudado a chegar até aqui. E o que não der pra fazer, tudo bem também!


Então, se eu puder resumir todas essas dicas seria: busque a leveza e o equilíbrio.


O autocuidado não precisa e nem deve ser mais um fardo, faça o que você pode fazer, o que está dentro das suas possibilidades hoje e não se cobre tanto. Às vezes não vai (e nem precisa) ser necessariamente algo grandioso, mas não significa que não seja importante. No quadro Kanban da nossa vida pessoal é importante olharmos com carinho para a coluna 'em andamento', e de quebra nos ajudará a ter mais motivação para continuar caminhando.



Ambientalista, entusiasta da tecnologia e apaixonada pela escrita. Jennifer Vasconcelos formou-se em Relações Internacionais devido ao desejo de transformar o mundo e diminuir as inúmeras desigualdades do nosso tempo. Acredita no desenvolvimento humano através do autoconhecimento e de conexões reais capazes de impactar e mudar vidas.




Fonte: https://www.digitalhouse.com/br/blog/como-usar-metodologia-kanban#:~:text=O que é a metodologia,envolvidos cada etapa das atividades.


2 Comments


Unknown member
May 25, 2021

Não conhecia a Metodologia Kanban ... interessante ter o olhar do To do/Doing/Done Prestar atenção em tudo o que fazemos. 3 dicas muito úteis...Gratidão!

Like

Gostei muito do texto vivemos tanto na correria que até o autocuidado que deveria ser leve acaba se tronando mais uma obrigação

Like
bottom of page