top of page

A vida na primeira pessoa

A jornada da autodescoberta e de se posicionar como protagonista da própria vida


Você já se perguntou se você é a protagonista da própria vida? Pode parecer uma pergunta abstrata demais, mas você se vê como a agente que provoca mudanças no roteiro da sua vida? Assumir esse papel de protagonista não é tão simples. Muitas vezes somos levadas a situações que não escolhemos e deixamos que pessoas façam com a gente coisas que não nos deixam felizes.


Mas como mudar isso? Às vezes, a transformação pode vir de dentro da gente. Analisar o cenário atual e perceber que a alteração no script que não faz mais sentido para o filme que estamos vivemos é sempre bem-vinda.


Mudança de perspectiva

No cinema ou vendo uma série, muitas vezes nos projetamos em protagonistas e julgamos suas ações. Que tal fazer um exercício parecido? Como seria o filme da sua vida?


Se você estivesse assistindo o filme da sua vida, como a protagonista estaria se saindo? Essa protagonista é forte? Como ela lida com as escolhas dela? Ela se permite errar?

Quer saber mais sobre storytelling? Acesse nosso ebook: Sua História tem Valor


Protagonista humano

Nenhuma protagonista memorável é perfeita, todas possuem defeitos, contradições e cometem erros, mas aprendem a lidar com eles no final das contas.


Não precisamos nos apegar a personagens irreais e super-humanas que não existem no nosso cotidiano. Afinal, queremos passar longe do perfeccionismo que nos paralisa.



Os limites da autorresponsabilidade

Nós temos responsabilidade pelas nossas ações mas há um limite para tudo.


É claro que nem sempre vamos conseguir transformar tudo ao nosso redor. Isso é um fato, mas podemos mudar a forma como enxergamos as coisas.






O que falta para você ser a protagonista da sua vida?

Saiba Mais:


Escrito por: Fernanda Oliveira https://www.linkedin.com/in/effe/










bottom of page