top of page

Cruzando Histórias treina 2 mil pessoas pelo Stand Up em evento do Grupo DPSP

O combate ao assédio e à importunação sexual é uma luta constante, mas que ganha reforços conforme vamos nos aproximando de março, o Mês das Mulheres. Atento à questão, o Grupo DPSP, uma das maiores redes de drogarias brasileiras, resolveu colocá-la em evidência durante o evento"Conectados pela Saúde", que ocorreu na terça-feira, 7.

Conectados pela Saúde levou treinamento contra assédio para 2 mil pessoas.
Conectados pela Saúde levou treinamento contra assédio para 2 mil pessoas.

Isso porque foi durante ele que a Bia Diniz, fundadora e diretora da Cruzando Histórias, à convite da L'Oréal Paris, apresentou o Stand Up, programa de treinamento para ajudar a prevenir a importunação sexual nas ruas, para o maior público de sua jornada como palestrante: 2 mil pessoas!


Facilitadora dessa metodologia desde 2021, Bia trouxe para o palco do evento os 5D de como agir perante situações desse tipo: distrair, delegar, documentar, dialogar e direcionar.


O objetivo é conscientizar públicos diversos para que, além de combater, seja possível prevenir casos de importunação, promovendo um ambiente mais seguro para todos.


StandUp contra o assédio:


Em paralelo aos serviços oferecidos, a Cruzando Histórias é também parceira certificada do Stand Up, programa de treinamento para ajudar a prevenir a importunação sexual nas ruas desenvolvido pela ONG Right To Be em parceria com a L’Oréal Paris.


Contando com uma metodologia própria, que ensina a identificar e denunciar casos de assédio, o StandUp pode ser realizado em empresas, universidades, grupos ou individualmente (esse último, por meio de conteúdos online).


O treinamento é fornecido no formato online ao vivo, ou gravado, com duração de 1 hora (ao vivo) ou 30 minutos (gravado). Até o momento, a Cruzando Histórias já treinou mais de 20 mil pessoas em todo o Brasil.


faça parte você também!


Pensando nessa data tão importante para nós, desenvolvemos um menu exclusivo para o Mês da Mulher com diversas ações que a sua empresa pode fazer para investir em impacto social e apoiar muitas mulheres. Se a sua empresa se preocupa com o assédio e também deseja combatê-lo na sociedade, agende uma conversa conosco e promova um treinamento na sua empresa.


Saiba mais em nossa página de Responsabilidade Social.



Comments


bottom of page