top of page

Ambev e ONG se unem para ajudar mulheres no mercado de trabalho

100% do lucro obtido com a venda da cerveja colaborativa Desrotuladas, produzida pela companhia no Dia Internacional da Mulher, irá para a instituição


Cerveja colaborativa Desrotuladas

A ONG Cruzando Histórias, uma organização voltada para a valorização profissional e a empregabilidade de mulheres, se uniu à cervejaria Ambev, para o lançamento de uma edição especial do programa Impulsione a Sua Carreira.


O projeto, que é totalmente gratuito, é mais uma ação da instituição para promover o cuidado à mulher em situação de vulnerabilidade social e prepará-la para se reintegrar ao mercado de trabalho.


Durante a realização do programa, as participantes vão ter acesso a uma trilha de desenvolvimento composta por oficinas, painéis, mentoria coletiva e bate-papo com a área de Recursos Humanos. Colaboradoras da Ambev serão voluntárias dessa ação e conduzirão parte das atividades.

Ao todo o Impulsione a Sua Carreira vai apoiar a reinserção de cerca de 50 mulheres no mercado de trabalho residentes do Rio de Janeiro nas regiões de Campo Grande, Cachoeiras de Macacu e Piraí.


Na seleção serão considerados disponibilidade, comprometimento, interesse em trabalhar no setor e vulnerabilidade social. Mulheres negras, mães e em situação de desemprego serão priorizadas. O programa tem duração prevista de quatro a seis semanas.


As interessadas em participar da seleção devem entrar em contato com a ONG Cruzando Histórias pelo site do projeto.


Desrotuladas



Para realizar o programa, a Ambev vai destinar 100% do lucro obtido com a venda da cerveja colaborativa Desrotuladas para a ONG. Feita por mulheres e para mulheres, da brassagem ao envase, essa cerveja foi produzida por um time 100% feminino no Dia Internacional da Mulher deste ano.


A cerveja é uma Session IPA com dry hopping, que leva três lúpulos aromáticos na receita, e está à venda no Empório da Cerveja.


"Nós criamos essa Session IPA da mesma forma que seguiremos construindo nosso espaço no mercado cervejeiro: juntas e sem rótulos. Esse projeto, em parceria com a Cruzando Histórias, é mais um passo da companhia para alcançar as pessoas e gerar impacto positivo na sociedade. Queremos continuar promovendo mudanças reais e incentivando todo o nosso ecossistema em prol da equidade de gênero"

afirma Sybilla Geraldi, mestre-cervejeira e coordenadora de Conhecimento e Cultura Cervejeira da Ambev.


Cruzando Histórias



A ONG Cruzando Histórias já impactou mais de 8 mil mulheres e terá seu projeto potencializado com a parceria da Ambev. Sediada em São Paulo e com atuação nacional, a entidade possui sinergia com as ações da companhia voltadas para mulheres que buscam reinserção no mercado de trabalho.


"Unir mulheres que estão fora e dentro do mercado de trabalho, num processo de colaboração, é das atividades que mais acreditamos. O estado do Rio de Janeiro encerrou o primeiro trimestre de 2022 com terceira maior taxa de desemprego do país, de acordo com a pesquisa Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad). Desde o início das conversas com a Ambev, foi mútuo o interesse no desenvolvimento local, priorizando as mulheres que moram no entorno das fábricas nas cidades fluminenses. Somos mulheres, desde a concepção da ideia, produção da cerveja, até a execução do projeto. As 50 mulheres selecionadas, sentirão a potência desse projeto”

diz Bia Diniz, fundadora e presidente da Cruzando Histórias.


 

Publicado originalmente em 23/06/2022 no IG Delas.

Kommentare


bottom of page